domingo, 28 de outubro de 2007

Intrometida

Querido croquete
não fiques desapontado
nunca foi meu intento
seres por mim partilhado
mas as trincas deixadas
não viram marcas dos meu dentes
a culpa deixo as formigas
que deixam qualquer um dormente

Questionei uma pelo que fez
Sem pestagenar respondeu
"Man! Isto pode ser grande
Mas não e tudo teu!!!!"

Um comentário:

ahura disse...

Então profano!
Quando te resolves?